Na vida, nada deve ser receado, tudo deve ser compreendido.
Marie Curie

Acerca de mim

A minha fotografia
Portugal
Mestre em Psicologia Clínica pelo Instituto Superior de Psicologia Aplicada (ISPA-IU). Membro da Associação Portuguesa de Psicoterapia Psicanalítica de Casal e Família. Membro da Ordem dos Psicólogos, Cédula Profissional nº 14838.

segunda-feira, 30 de Abril de 2012

Agitação Psicomotora

A agitação psicomotora consiste num estado de inquietação com aumento dos movimentos, com experiência de sensação tensão interna importante, podendo manifestar-se desde graus ligeiros a muito intensos, com manifestações eventuais de agressividade.

O sujeito agitado movimenta-se constantemente, grita e tenta afastar tudo o que aparece pelo seu caminho.

Os estados de agitação psicomotora podem também estar relacionados com um diverso conjunto de perturbações mentais como:

- Perturbações Mentais Orgânicas onde a agitação psicomotora se insere num quadro de estado de perturbação da consciência (delírio) que pode ter causas múltiplas, cerebrais ou extracerebrais. Na maior parte das vezes, a intensidade da agitação acentua-se ao fim da tarde e noite acompanhada por um agravamento vespertino e nocturno da alteração da consciência, da desorientação e das alterações perceptivas;

- Esquizofrenias onde a agitação esquizofrénica ocorre frequentemente no episódio esquizofrénico agudo, relacionada com as ideias delirantes e em estado de consciência clara, mas também nas crises de agitação catatónica;

- Psicoses Tóxicas em que a agitação aparece em síndromas de abstinência (álcool) e intoxicações agudas (álcool, cocaína e anfetaminas);

- Estados Maníacos onde a agitação maníaca é um quadro típico se está inserido num estado de euforia patológica com aceleração do pensamento e expansão do Eu;

- Estados Ansiosos porque a ansiedade se faz acompanhar frequentemente de inquietação motora;

- Depressões onde por vezes estas evoluem com agitação, em particular as depressões associadas à ansiedade (depressões agitadas);

- Perturbações de Personalidade do tipo histriónico, limite (borderline), anti-social, tendem a desenvolver agitação em situações de confronto com acontecimentos indutores de stresse.

Sem comentários:

Enviar um comentário

Nota: só um membro deste blogue pode publicar um comentário.